sexta-feira, outubro 08, 2010

Dia Mundial de Soluções Climáticas – 10:10:10




Artigo Dinalva Heloiza

O 10:10:10, é uma Ação mundial, projetada inicialmente para acontecer em 10/10/10, um dia reservado ao calendário global, junto às sociedades racionais em todo o planeta, quando essas compartilharão entre-si, soluções sustentáveis para a mudança do clima em todo o mundo.

A Campanha é promovida pela 350.Org, uma Ong que representa através de seu título 350 - "as 350 partes por milhão de CO2 na atmosfera, que segundo cientistas, é um limite seguro para a humanidade", essa campanha intitulada "10:10:10 Global Work Party", ou "Festa Global do Trabalho", visa um movimento global pela redução das emissões de carbono em 10% ao ano, percentual em compromissos individuais, e 3% ao ano, em percentual aos compromissos segmentados por alguns setores da economia mundial, a partir de 10 de Outubro de 2010.

A Campanha é aberta a participação de indivíduos, famílias, escolas, universidades, comunidades, organizações, setores privados e públicos, e países, onde por sinal o Brasil ainda não se apresentou, enfim,  é a sociedade em conscientização global, compartilhando soluções pela redução das emissões de carbono em todo o mundo. O objetivo fundamental é a integração de todos os segmentos da sociedade fortalecendo com isso, mudanças de comportamento, principalmente nos padrões atuais de produção e consumo, interagindo com a redução dessas emissões.

As emissões de carbono, mais precisamente – emissões de quaisquer gases que interagem com o efeito estufa no planeta, são provenientes principalmente pela queima dos combustíveis fósseis, aumento das queimadas em áreas urbanas e rurais - um dos grandes contribuintes  dessas emissões em cenário nacional - sendo o primeiro, o alto índice em desmatamento das florestas em território nacional.

Para entender as mudanças climáticas, é importante que reconheçamos as diferenças entre tempo e clima. O tempo é a precipitação (chuva, umidade, sol, neve), e os ventos atuam simultaneamente com o tempo. O  clima, é a média do tempo em relação à natureza e suas variações, aos quais estamos expostos ao longo do tempo.

O efeito estufa é um processo natural da atmosfera, em que interagem as emissões da terra, (provocadas    pelas atividades humanas), em relação  as emissões  naturais do sol, (raios ultra violeta e luz ), que ao retornarem do espaço,   voltam em forma de (radiação infravermelha e calor), provocando o contínuo aumento na temperatura do planeta.  

Cientificamente constatadas, apesar de alguns episódios que tentaram desacreditar algumas dessas estatísticas científicas, é sem dúvida, uma das causas do efeito estufa. E os maiores responsáveis, são atividades humanas, que  acentuaram esses impactos no último século, através da expansão de algumas atividades insustentáveis dos setores produtivos da economia mundial. 

Como resultado, ao longo do século passado, até os dias atuais, ocorreram aumento na temperatura média da terra. Globalmente, os dez anos mais quentes registrados no planeta, estão indicados durante o período de 1997/2007, segundo relatórios do IPCC – Painel Intergovernamental para as Mudanças Climáticas.

O relatório cita ainda a importância de reduzirmos o ritmo atual das emissões de Co2. Caso essas emissões continuem aumentando, os níveis de concentração na atmosfera poderão atingir até duas vezes mais, em relação aos níveis pré- industriais, até o ano de 2050.

A menos que limitemos essas emissões, reduzindo a concentração de Co2, manter os níveis de aumento atuais nessas  emissões, seria susceptível atingir 7º C até o final do século, o que provocaria  um declínio irreversível em muito dos grandes ecossistemas do mundo, tais como, (recifes de corais e florestas tropicais), algumas das grandes riquezas e belezas naturais em cenário brasileiro. 

Mesmo se a temperatura global subir apenas 2º C, 20% a 30% das espécies que compõe a biodiversidade poderiam enfrentar a extinção, além de efeitos impactantes sobre o nosso ambiente, o que viria a afetar a produção de alimentos, o abastecimento de água, além dos impactos que provocariam na saúde humana.

O maior responsável pelas alterações climáticas, é sem dúvida o Co2, lançado em grandes quantidades na atmosfera, superestimando os modelos predatórios de vida que envolvem principalmente países de primeiro mundo, já no Brasil, esse aumento é acentuado, devido aos altos índices em desmatamento verificado nas florestas tropicais, que desempenham um importante papel na absorção de Co2.

Gases como o metano e o óxido nitroso, também influenciam as alterações climáticas. O metano é produzido por bactérias que proliferam em aterros sanitários, turfeiras – pouca encontrada no Brasil – e na pecuária, é concentrado nas vísceras de animais, a exemplo dos bovinos e caprinos.  As emissões do óxido nitroso, são ampliadas em grande parte pelo uso de fertilizantes nitrogenados na agricultura.

Em um país como o Brasil, onde a economia básica é proveniente das atividades agrícola e pecuária, o efeito desses gases são mais acentuados. No entanto eles ainda não foram liberados em quantidades tão grandes como o Co2, além do que, gases como o metano tem um período de duração inferior ao Co2 na atmosfera.

Mesmo se estabilizando, níveis de emissões dos gases efeito estufa e aerossóis, o que já se encontra concentrado na atmosfera nos dias atuais, poderá provocar um aumento na temperatura global em 1,4% C, acima dos níveis pré-industriais, até o ano de 2100 (Fonte: IPCC). A cada atraso de dez anos, nos níveis de redução dessas emissões, deve adicionar cerca de 0,5 C de aquecimento global, na temperatura média da Terra.

Fontes: 350.Org/Global.Org/Met Office

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário sobre esse artigo:

FICA-Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental

FICA-Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental
Lançamento XII FICA, o evento acontece de 08 a 13 de Junho

Filmes Selecionados a XII Edição do FICA

Filmes Selecionados a XII Edição do FICA
The Cove documentário premiado com o "Oscar", participa da XII Edição do FICA

Willian Bonner, uma Aventura Twetteriana.

Lançamento do Livro do Professor Osmar Pires

Lançamento do Livro do Professor Osmar Pires
Professor Osmar Pires