domingo, abril 18, 2010

Lady Laura, a Canção de um Rei!



Roberto Carlos estava no Palco do Rádio City Music Hall, em seu segundo show em Nova York, na noite do dia 17 de Abril, quando o Dr. Milton Kasuo Yoshino, médico responsável pelo tratamento de sua mãe, telefonou do Rio de Janeiro comunicando ao empresário do artista, Dody Sirena, a morte de sua mãe, Lady Laura.

Segundo a assessoria de imprensa do hospital Copa D'or, Lady Laura morreu às 18h20. No atestado de óbito constam como causas: choque séptico e insuficiência respiratória aguda, decorrentes de pneumonia bacteriana e agravados por insuficiência renal crônica, insuficiência coronariana e arritmia cardíaca. Ela havia sido internada no dia 31 de março e levada para o Centro de Terapia Intensiva (CTI) em estado grave, com quadro de infecção pulmonar.

A mãe do cantor ficou conhecida nacionalmente pela música "Lady Laura", parceria do filho com Erasmo Carlos. A canção, composta em 1976, em momento de solidão num hotel de Nova York, se tornou uma das que mais fazem sucesso fora do Brasil.

Na gravação da canção ‘Lady Laura’, em 1978, Roberto chorou no estúdio e a música foi repetida várias vezes. A mãe nunca abandonou o filho desde o dia em que Roberto cantou pela primeira vez no rádio, aos 9 anos, em Cachoeiro de Itapemirim, no Espírito Santo.

Apesar de lúcida, Lady Laura vivia sob os cuidados de duas empregadas e só saía aos domingos para assistir à missa na Igreja Nossa Senhora do Brasil.

Foi Lady Laura, que era devota de Nossa Senhora, Cosme e Damião e São Judas Tadeu, quem passou a forte religiosidade para o cantor. Ela era uma das pessoas que mais incentivaram a carreira artística de Roberto Carlos.

Na quinta (15), em entrevista em Nova York, onde recebeu uma homenagem pelos 50 anos de carreira e pela marca de 100 milhões de discos vendidos, ele relembrou que decidiu o seu futuro aos nove anos de idade, ao voltar para casa depois de se apresentar na Rádio Cachoeiro de Itapemirim, no Espírito Santo.

Roberto lembrou o diálogo que teve com a mãe. "Mãe, você quer que eu seja médico , mas eu não quero ser médico mais não, porque agora eu quero ser cantor". A mãe ainda questionou que tinha sido apenas uma apresentação na rádio e ele respondeu - "É mas é isso que eu quero. E nunca mais mudei a minha cabeça", completou.

O empresário optou por aguardar o término do show e após a distribuição das rosas, enquanto a platéia aguardava o retorno de nosso cantor para o bis, o artista recebeu a notícia.

O cantor só soube que a mãe havia morrido após o término da apresentação. A notícia foi dada a ele pelo seu empresário Dodi Sirena, que o acompanha. Lages disse ao G1 que a notícia foi dada ao cantor logo depois que ele saiu do palco. O maestro revelou que ficou sabendo da morte de Dona Laura durante o início do show.

Coube também ao maestro dar a notícia ao público. “A gente tinha um bis especial para vocês, mas acontece que o Roberto Carlos, neste momento, recebeu, lamentavelmente, a notícia do falecimento da mãezinha dele. Acho que só nos resta agora bater palmas para o Roberto", disse Lages, que foi atendido pela plateia.

Durante o show, o público já tinha aplaudido quando Roberto falou da mãe antes de cantar Lady Laura. “Antes de começar o show eu estava preocupado, mas soube do hospital no Brasil que ela está melhorzinha", contou Roberto. Ele seguiu com a música e foi muito aplaudido.

De acordo com Eduardo Lages, diariamente Roberto Carlos mantinha contato com o médico para acompanhar à distância o estado de saúde da mãe. O maestro disse que na sexta-feira (16), na primeira das duas apresentações em Nova York, Roberto também falou sobre a saúde da mãe.

Ainda segundo o maestro, como o cantor fará 69 anos na próxima segunda-feira (19), estava combinado que haveria um bolo durante o show para cantar os parabéns. “Ele perguntou ‘e o bolo?’. Eu, para despistar, disse que o bolo deu o bolo", revelou Lages.

Choro

O maestro disse que Roberto chorou muito e foi consolado no camarim pelos filhos Ana Paula e Roberto Carlos Braga Segundo, o Segundinho, ao saber da morte da mãe.

“Nós pensamos que o Roberto pudesse receber esta notícia com mais serenidade, porque ele já vinha acompanhando o estado de saúde dela, mas ele não aguentou quando soube e está chorando muito”. Segundinho, o filho do cantor, aparentava estar bastante triste na saída do teatro e preferiu não dar declarações sobre a morte da avó.

Fãs que assistiram ao show do Roberto Carlos em Nova York na noite deste sábado, (17) aplaudiram e desejaram força ao cantor após ele receber a notícia do falecimento da sua mãe, Lady Laura. Os fãs esperavam o rei na saída do teatro onde aconteceu a apresentação.

Cercado por sua equipe, Roberto deixou o local emocionado, acenando para os fãs.
Na Segunda Feira dia 19, o Rei Roberto Carlos, completa 69 anos. A turnê é em comemoração aos 50 anos de carreira.

Fonte Globo G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário sobre esse artigo:

FICA-Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental

FICA-Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental
Lançamento XII FICA, o evento acontece de 08 a 13 de Junho

Filmes Selecionados a XII Edição do FICA

Filmes Selecionados a XII Edição do FICA
The Cove documentário premiado com o "Oscar", participa da XII Edição do FICA

Willian Bonner, uma Aventura Twetteriana.

Lançamento do Livro do Professor Osmar Pires

Lançamento do Livro do Professor Osmar Pires
Professor Osmar Pires