terça-feira, setembro 21, 2010

"Araguaia", a mais nova produção da Rede Globo, mostra as maravilhas de um cenário goiano.

Cléo Pires é uma das protagonistas da mais nova produção da Rede Globo, intitulada “Araguaia”, que tem sua estreia agendada pra 27 de Setembro, no horário das 18 horas.
 A produção “Araguaia”, conta com locações as margens do Rio Araguaia em Goiás.  As filmagens que acontecem a quase três meses, tem suas principais locações em um cenário que encanta turistas e brasileiros.
Essas locações acontecem em cidades que vão ganhar agora uma maior visibilidade turística, e que detém os mais belos cenários as margens do rio Araguaia, são elas: as cidades de São Felix do Araguaia, Luís Alves, e Aruanã.
 Detentora do título de Embaixadora das Águas pela UnescoDescrição: http://twitter-badges.s3.amazonaws.com/t_mini-a.png, Cléo Pires, que já é  freqüentadora das praias do Araguaia, quando ainda residia em Goiânia,  ao lado de sua mãe a atriz Glória Pires e Orlando Morais, casado com Glória, que é cantor e compositor goiano, um dos grandes sucessos da música nacional.
Cléo Pires, uma profunda apreciadora desse cenário, lembra que o Rio Araguaia, é um dos grandes patrimônios da humanidade, e cita sobre a necessária preservação desse patrimônio.  “Não só o Araguaia, mas também os demais rios, lagos e mananciais d’água doce em todo o mundo. Aqui é onde se encontram as principais nascentes de água doce do Brasil, e nesse cenário o Brasil detém, o maior aquífero de águas subterrâneas, o Aquífero Guarani, que ocupa uma grande extensão do centro-oeste goiano. Todos os rios são de vital importância ao sustento dos mais variados ecossistemas do planeta.”
Com o objetivo de divulgar esse trabalho, e promover o instituto mineiro Unesco-Hidroex -  instituto esse que vem realizando um dos maiores estudos sobre os aquíferos brasileiros -  Cléo comenta seu papel nessa campanha: “Nosso intuito é dar visibilidade para a questão e procurar novas formas de uso da água. Para que ela seja bem utilizada e bem conservada, e que as pessoas saibam preservar esse valioso patrimônio que é um bem de todos.”

                                Cléo Pires em cena no Araguaia.

Ainda que o Brasil possua a maior disponibilidade hídrica do planeta,  sabemos que a poluição e desperdício são as principais ameaças às águas brasileiras. Cléo Pires está empenhada principalmente em fazer um alerta à população nesse sentido. “É importante que cada um, no seu dia-a-dia, tenha a noção em não desperdiçar, não deixar a torneira aberta, desligar o chuveiro, não ligar a mangueira lavando carro loucamente. Esse é um trabalho longo e que vai sendo contemplado aos poucos. Ainda estamos no início.”, diz Cléo.

Ela observa que já é possível perceber algumas mudanças de comportamento nesse cenário. Durante as gravações de Araguaia, no centro-oeste, ao visitar praias e algumas cidades que margeiam o rio, Cléo Pires, ficou positivamente impressionada com a consciência ecológica que as pessoas vêm adquirindo em relação à natureza. “Já faz dois anos que não venho ao Araguaia. Fiquei muito feliz em voltar, e ver como tudo está sendo preservado, as pessoas se sensibilizam com as questões da água e da natureza; nos acampamentos, já não se vê  mais o lixo sendo jogado no chão,  elas recolhem latas, guimba de cigarro, e outros dejetos. Estou emocionada em fazer parte desse trabalho.”
                                 Safira, Ametista e Esmeralda
Elas fazem a alegria dos turistas que procuram a agência de turismo de Fred (Raphael Viana), a Caburé. Também, pudera… Além de competentes guias de turismo e profundas conhecedoras das belezas do Araguaia, essas jovens são lindíssimas, morenas, saradas e têm um astral lá em cima. Elas são  as três joias do Araguaia, ou melhor, as joias do seu Cirso (Gesio Amadeu) e da dona Pérola (Tânia Alves), os pais com a missão de proteger um patrimônio bastante cobiçado por marmanjos de todas as idades.
 Safira (Cinara Leal) é a mais velha e mais espevitada. Namoradeira, arrasta asa pra cima do patrão… Ametista (Nanda Lisboa) é a mais romântica e sonhadora, mas às vezes é ingênua demais. E, por fim, a mais nova, Esmeralda (Raquel Villar),  a mais ajuizada de todas.
Lá pras bandas do Araguaia, todos sabem que Cirso é muito ciumento e está sempre de olho nas filhas. Mas quem vem de fora pode acabar se dando mal. Vai que se depara com uma das beldades, ou todas, numa praia qualquer do rio e perde o juízo diante de tanta formosura?
Você não pode ficar de fora dessa história!

   Edson Celulari e Cléo Pires, (Fernando e Estela) em "Araguaia".

A história da nova produção das 6 da Rede GloboDescrição: http://twitter-badges.s3.amazonaws.com/t_mini-a.png se passa em Goiás, centro-oeste do  Brasil,  às margens do rio Araguaia. Antoninha (Regina Duarte), uma mulher de fibra, por volta de seus 70 anos, está gravemente doente, e será a responsável por uma reviravolta na vida dos moradores da região. Antoninha vive solitária em sua grande estância, dividindo seu espaço apenas com a fiel escudeira Aspásia (Flávia Guedes). Mas essa história promete mudar com a chegada de Fernando (Edson Celulari), seu único filho.

Junto com o bom vivant Fernando, desembarcarão no Araguaia seu filho, o charmoso Solano (Murilo Rosa), a esposa de Fernando, a bela e jovem Estela (Cléo Pires), e a mãe de criação dele, Mariquita (Laura Cardoso). Ao chegar à região o trio vislumbra toda a beleza do rio Araguaia: suas praias de areia muito branca e sua água cristalina repleta de turistas, jovens sarados praticando os mais variados esportes. A primeira impressão é de haverem chegado a um paraíso escondido no meio do sertão. Mas logo no início de sua estada, o trio será surpreendido pelas consequências de uma terrível maldição pregada pelos índios da tribo Karuê e que se perpetua há mais de um século na família de Antoninha.

O manda-chuva da região
                                           Lima Duarte, é Max em Araguaia.

Apesar de ter passado a maior parte de sua vida sozinha, Antoninha sempre teve um admirador não tão secreto: o poderoso proprietário de terras e rico comerciante da região, Max (Lima Duarte). Por causa do amor não correspondido, Max casou-se com Amélia (Júlia Lemmertz) e teve dois filhos, Manuela (Milena Toscano) e Frederico (Raphael Viana), mas jamais desistiu de tentar conquistar Antoninha, que sempre o menosprezou. O grande fazendeiro enriqueceu de maneira nebulosa há muitas décadas e manda nas terras e nos moradores da região.

Vida nova para os moradores do Araguaia

Inconformado com as injustiças sofridas pelos moradores das redondezas do rio Araguaia, o corajoso Solano está disposto a enfrentar o poderoso Max. O jovem irá investir seu tempo e dinheiro e fará de tudo para garantir ao povo condições dignas de vida e trabalho.
Com a ajuda da “madrasta” Estela, do padre da região, o dedicado Emílio (Otávio Augusto) e da charmosa viúva Janaína (Suzana Pires), além dos trabalhadores do Araguaia, Solano irá se dedicar à construção de uma cidade pensando na melhoria da qualidade de vida do povo. Esse projeto irá despertar a fúria de Max, que se revelará um inimigo poderoso de Solano.
Amores impossíveis

     Murilo Rosa e Milena Toscano, (Solano e Manuela).

Para complicar ainda mais o embate entre Max e Solano, o jovem justiceiro vai acabar se apaixonando pela filha do inimigo, a princesinha do Araguaia, Manuela (Milena Toscano). Apesar das inúmeras diferenças entre Manuela e Solano e de ela já estar comprometida com o genro dos sonhos de seu pai, Vitor (Thiago Fragoso) os dois não vão conseguir lutar contra esse amor por muito tempo. Mas também não vão conseguir vivê-lo com facilidade.
Além de Vitor e Max, Manuela e Solano terão que lidar com um obstáculo chamado Estela. A bela “madrasta” do jovem se aproximará cada vez mais e revelará sua paixão proibida por ele.

Diversão para o povo

 Não será só Solano que incomodará Max ao provocar mudanças radicais na vida de seus funcionários. Junto com o jovem empreendedor chegará ao sertão do Araguaia a trupe do Gran Circo Tenório, conduzida por Terê Tenório (Thaís Garayp), descendente de uma linhagem de bufões com origem (diz ela) na Idade Média.
O grupo irá causar muito incômodo a Max ao criticar seu papel como senhor das terras da região em farsas e tragédias encenadas no grande picadeiro. Se para Max o circo representa ameaça, para o povo da região, será garantia de muitas risadas e momentos raros de diversão.
Araguaia é uma novela de Walther Negrão com direção de núcleo de Marcos Schechtman, direção-geral de Marcos Schechtman e Marcelo Travesso e direção de Fred Mayrink, Luciano Sabino e Alexandre Klemperer.
 Não perca Araguaia, a nova novela das seis da Rede Globo, a partir de 27 de setembro!

Fonte:  Rede Globo de Televisão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui o seu comentário sobre esse artigo:

FICA-Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental

FICA-Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental
Lançamento XII FICA, o evento acontece de 08 a 13 de Junho

Filmes Selecionados a XII Edição do FICA

Filmes Selecionados a XII Edição do FICA
The Cove documentário premiado com o "Oscar", participa da XII Edição do FICA

Willian Bonner, uma Aventura Twetteriana.

Lançamento do Livro do Professor Osmar Pires

Lançamento do Livro do Professor Osmar Pires
Professor Osmar Pires